Escola Superior da Magistratura de Sergipe: Sociologia é tema de aula para Magistrados


Esmese: Sociologia é tema de aula para Magistrados

A Escola Superior da Magistratura de Sergipe (Esmese) promoveu, na tarde de hoje, dia 27, mais uma aula para Desembargadores e Juízes. Desta vez, o tema foi ‘sociologia’, abordado por Ricardo Maurício Freire Soares, pós-doutor pela Università Degli Studi di Roma e professor da Universidade Federal da Bahia. Segundo ele, a Sociologia do Direito é uma disciplina humanística que estuda as conexões da sociedade com a ordem jurídica.

“É de fundamental importância essa disciplina porque o Direito não pode ser concebido como um sistema normativo apartado da realidade. Particularmente para o magistrado, essa disciplina embasa o desenvolvimento de interpretações sociológicas que possam tornar as decisões jurídicas mais legítimas perante a sociedade”, explicou Ricardo, lembrando que um dos temas abordados na aula de hoje foi o acesso à Justiça.

Para ele, o Poder Judiciário não pode estar distante da sociedade e o estudo dos obstáculos existentes é do interesse de todos que integram a sociedade jurídica. “Obviamente, existem muitos obstáculos, mas desde a Constituição de 88 tenho verificado grandes avanços. Visualizamos um Judiciário cada vez mais próximo da sociedade e preocupado com a legitimidade das suas decisões”, opinou o palestrante, que elogiou a iniciativa da Esmese.

“Vejo com bons olhos a iniciativa da Esmese porque vivemos hoje uma era de educação continuada, inclusive porque essa iniciativa potencializa uma percepção mais crítica da sociedade. Uma disciplina como a sociologia ajuda o magistrado a visualizar essas conexões e pensar na sociedade no processo decisório. A opinião pública não é o único referencial, mas é um referencial importante, que deve ser levado em conta pelo magistrado”, completou.

Sobre Denis Wesley

Pode invadir ou chegar com delicadeza Pode invadir ou chegar com delicadeza, mas não tão devagar que me faça dormir... Não grite comigo, eu tenho o péssimo hábito de revidar... Tenha vida própria, me faça sentir saudades... Conte umas coisas que me façam rir... Acredite nas verdades que digo e nas mentiras, elas serão raras, mas sempre por uma boa causa... Respeite meu choro... Deixe-me sozinho, só volte quando eu chamar, e não me obedeça sempre é que eu também gosto de ser contrariado... Invente um papel para você que ainda não tenha sido preenchido e o inverta as vezes... Então: Sou Denis Wesley, muito prazer.

Publicado em 27/08/2012, em Ciências Sociais em Sergipe. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: