Redação no Enem: como escrever uma boa introdução


A primeira impressão é a que fica, diz o célebre ditado. Vale para muitos aspectos da nossa vida e, também, para a redação do Enem e demais vestibulares

Por isso, vale iniciar o texto de forma bem adequada, levando em conta dois aspectos. Em primeiro lugar, apresentar o contexto do tema, oferecendo uma visão geral do que será abordado. Além disso, mostrar a sua relevância e atualidade, citando, por exemplo, algum fato recente que colocou o assunto em evidência.

Vejamos um caso prático. Suponha um possível tema de redação sobre a relação entre progresso e equilíbrio ambiental. É um assunto que pode ser abordado numa das provas deste ano, não só em função do desastre ambiental de Mariana, ocorrido em novembro de 2015, como também por diversas outras discussões relacionadas aos impactos do homem sobre o meio ambiente.

Uma possível introdução para esse tema é a seguinte:

“Os avanços científicos e tecnológicos das últimas décadas transformaram significativamente a vida humana, gerando riquezas e, em muitos casos, mais qualidade de vida. O progresso traz, entretanto, uma nova questão, que preocupa cada vez mais o Brasil e o mundo: é possível garantir o desenvolvimento econômico e, ao mesmo tempo, preservar o equilíbrio ambiental do planeta?”

Veja que o parágrafo ofereceu uma visão genérica sobre a questão a ser discutida, mostrando a sua atualidade e importância. É um parágrafo que abre caminho para argumentações a serem apresentadas na parte seguinte, o desenvolvimento.

Por fim, note que foram utilizadas duas estratégias para conquistar a atenção do leitor. O parágrafo é bem objetivo, indo direto ao ponto. E busca aguçar a curiosidade, lançando uma questão polêmica, a ser discutida em sequência. Tudo indica que o leitor ficará interessado em acompanhar o texto até o final.

Vejo o vídeo por esse link : http://g1.globo.com/educacao/blog/andrea-ramal/post/redacao-no-enem-como-escrever-uma-boa-introducao.html

Sobre Denis Wesley

Pode invadir ou chegar com delicadeza Pode invadir ou chegar com delicadeza, mas não tão devagar que me faça dormir... Não grite comigo, eu tenho o péssimo hábito de revidar... Tenha vida própria, me faça sentir saudades... Conte umas coisas que me façam rir... Acredite nas verdades que digo e nas mentiras, elas serão raras, mas sempre por uma boa causa... Respeite meu choro... Deixe-me sozinho, só volte quando eu chamar, e não me obedeça sempre é que eu também gosto de ser contrariado... Invente um papel para você que ainda não tenha sido preenchido e o inverta as vezes... Então: Sou Denis Wesley, muito prazer.

Publicado em 05/09/2016, em ENEM. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: